Últimas Notícias

Feminino

Retrospectiva: Ano de aprendizado para equipe feminina

Em parceria com o Colégio Estadual Tsuru Oguido, o Londrina disputou o Campeonato Paranaense Feminino de 2019

Por Jefferson Bachega/ Londrina EC
terça-feira, 17 de dezembro de 2019
Retrospectiva: Ano de aprendizado para equipe feminina
Ano de aprendizagem para a equipe feminina do Londrina Esporte Clube. (Foto: Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube)

Em meados de 2019, a coordenação de futebol do Londrina Esporte Clube anunciou a parceria com o Colégio Estadual Tsuru Oguido para a disputa do Campeonato Paranaense Feminino de 2019. No Estadual, participando pela primeira vez e com uma equipe bastante jovem, o Tubarão fez bons jogos e conseguiu trazer o torcedor para assistir aos jogos no Estádio Vitorino Gonçalves Dias.

 

O coordenador da base do Londrina Esporte Clube, Francisco Alencar comentou os desafios e o trabalho realizado com a equipe feminina. “Foi uma parceria válida, o objetivo maior era poder disputar a competição e adquirir experiência, o Tsuru Oguido já tem o projeto há bastante tempo, o principal foi nós identificarmos que era um projeto sério, que têm jogadoras que querem ter uma oportunidade e fizemos de uma forma que o coordenador do projeto e técnico da equipe, Johnny Gonçalves, não trouxesse jogadoras de fora, mas sim, pudesse dar oportunidade as atletas que já estavam no projeto. Foi uma experiência boa, sabíamos que o título seria difícil, mas a disputa da competição serviria como um laboratório para nós, dando oportunidades para muitas jogadoras aqui da cidade”, afirmou Alencar.

 

Durante o Estadual, o Tubarão fez três partidas no Estádio VGD e que levou bons públicos, vibrando com as atletas que vestiram a camisa Alviceleste. Para Alencar, o projeto apenas se iniciou e que foi visto muito futuro com as jogadoras do Londrina. “Vi muitas jogadoras no Londrina com qualidade e jovens, que ainda tem muito a evoluir e a crescer, então esperamos que elas que sonham em ser jogadoras de futebol, possam se apegar nisso, vi muita coisa boa, uma equipe jovem, que disputou uma competição contra equipe muito mais experientes” destacou o coordenador da base do Londrina.

 

Projetando 0 2020, Alencar enfatiza que o projeto deve continuar e que além da equipe profissional, o trabalho com as categorias de base é muito importante para a sequência da equipe. “Vi muita qualidade na equipe formada pelo Johnny e ele tem ainda as categorias menores, como sub-13 e o sub-15. Então é bacana ver esse projeto e se pudermos abraçar esse projeto em conjunto com o Colégio Tsuru Oguido, vamos fazer, pois vale muito a pena”, finalizou Alencar.

 

No Campeonato Paranaense Feminino, o Londrina encerrou a competição na 4ª colocação, tendo conquistado uma vitória dentro do campeonato, sobre o Imperial FC, no VGD. O coordenador do projeto do Colégio Tsuru Oguido e técnico da equipe, Johnny Gonçalves fez uma avaliação da competição. “Nós entendemos que tudo é um processo, o que foi feito no Londrina foi um plantio, entendemos que tudo tem seu tempo e nesse sentido, entendemos que foi muito válido a competição, nós participamos de um campeonato adulto praticamente com jogadoras da categoria de base, sub-17 e sub-20, onde nossa jogadora mais experiente tinha 22 anos”, disse Johnny.

 

Para Johnny, o Londrina saiu na frente de várias equipes, principalmente do futebol paranaense, ao ter uma equipe feminina disputando o Estadual. “O Londrina está de parabéns, saiu na frente de muitas equipes, do futebol paranaense e até mesmo do Brasil, isso demonstra a importância e o carinho que o Londrina Esporte Clube tem com o futebol feminino”, comentou o técnico.

 

O coordenador do projeto também destacou a relação entre equipe e torcedor, principalmente fazendo os jogos no Estádio Vitorino Gonçalves Dias um ponto forte. “Me surpreendeu muito o torcedor do Londrina, abraçou a equipe de uma tal maneira, que gerou até um certo constrangimento, nunca me senti tão acolhido, tão bem recepcionado por um torcedor, como o do Londrina, só temos que agradecer, todo esse amor, esse carinho e paciência que teve com a equipe, até mesmo os torcedores tiveram essa visão de que era uma equipe jovem e com tudo isso, tentamos levar para dentro de campo toda a entrega, tudo que podíamos fazer de melhor e entendo que isso contribuiu para chamar a atenção desse torcedor”, finalizou Johnny.

Mais Notícias do LEC
Newsletter
Assine a nossa Newsletter e receba todas as novidades do LEC!